[Resenha] A Casa Assombrada



Título: A casa Assombrada
Autor: John Boyne
Editora: Companhia das Letras
Ano: 2015
Páginas: 296
CompreAmazonSubmarinoAmericanas
Classificação: 
Sinopse: Londres, 1867. Eliza Caine tem 21 anos e acaba de perder o pai. Totalmente sozinha , como os heróis de Dickens sobre os quais tanto lê, e sem dinheiro para pagar o aluguel na cidade, ela depara com o anúncio de um tal H. Bennet, que busca uma governanta para se dedicar aos cuidados e à educação das crianças de Gaudlin Hall, uma propriedade no condado de Norfolk, leste da Inglaterra. O anúncio, contudo, não menciona a idade ou quantas crianças são, nem mesmo dá qualquer outro tipo de explicação.
Eliza não vê alternativa além de largar o emprego de professora em uma escola só para meninas e partir para o condado, onde pretende começar uma nova vida. Chegando a Gaudlin Hall, no entanto, ela se surpreende ao encontrar apenas Isabella, uma menina que parece inteligente demais para sua idade, e Eustace, seu adorável irmão de oito anos. Os pais das crianças não estão. Não se veem criados. De fato, não há nenhum adulto na propriedade, e a identidade de H. Bennet permanece um mistério.
A governanta recém-contratada busca informações com as pessoas do vilarejo, mas todos a evitam. Nesse meio tempo, fica intrigada com janelas inexplicavelmente fechadas, cortinas que se movem sozinhas e ventos absurdos na propriedade. E logo coisas de fato assustadoras começam a acontecer.
Em A Casa Assombrada, o autor best-seller John Boyne faz uma homenagem às clássicas histórias de fantasmas do século XIX. Mas a novidade é que ele cria aqui uma heroína que pretende arregaçar as mangas e chegar ao fundo da questão sozinha. Conseguirá esta boa mulher encerrada em um mundo claustrofóbico desenterrar os horríveis segredos de Gaudin Hall e confrontar os demônios de seus passado? E mais ainda: conseguirão ela e as crianças, sobreviver a tudo isso?
           Eu já havia tido contato com a escrita do John Boyne anteriormente em " O menino do pijama listrado" (que aliás chorei muito), então procurando novos livros para ler achei esse do autor e vi que era um suspense e como sendo meu gênero favorito, já logo resolvi ler " A casa assombrada".
        Na trama iremos acompanhar Eliza, uma jovem professora de 21 anos que após perder o pai resolve deixar sua cidade para conseguir um novo começo para si mesma. Após ler um anúncio no jornal oferecendo uma vaga de governanta para cuidar de duas crianças na propriedade Gaudlin Hall, ela não pensa duas vezes e abandona toda sua vida e parte para lá atrás dessa nova chance. Porém chegando lá, é recebida apenas por duas crianças que ficam sozinha numa mansão gigante sem nenhum adulto por perto e descobre que ela é a nova encarregada da casa. Tentando ir atrás de novas informações sobre seu novo emprego, ela se vê envolvida numa casa cheia de mistérios onde ocorrem vários fenômenos sobrenaturais que só começaram depois de sua chegada. Como todos da cidade tentam ficar o mais longe possível de Gaudlin Hall, Eliza se vê sozinha numa busca para descobrir os segredos da mansão e quem são seus donos e onde estão.
      Eu fiquei hipnotizada por esta leitura, e não conseguia mais parar! O autor sabe como escrever um drama e lendo este dá para ver que ele sabe também escrever muito bem um suspense. Ele já me ganhou logo no começo quando podemos ver que ele cita várias vezes Charlie Dickens na trama. O livro é narrado por Eliza,e assim junto com ela vamos desvendando os mistérios que existem por trás de Gaudlin Hall.
    Os personagens foram muito bem desenvolvidos, e é muito fácil se apegar a nossa heroína que mesmo estando num lugar sombrio e sem apoio nenhum, ela faz de tudo para manter as crianças, Isabella e Eustace, em segurança. 
       O livro é um suspense e para quem esperava um terror de tirar um sono vai acabar deixando a desejar, mas a trama vale muito a pena pois são pequenos detalhes que deixam ela mais misteriosa ainda e você fica completamente grudado na leitura até descobrir qual o segredo que essa casa guarda, e porque tantas tragédias e coisas inexplicáveis acabam acontecendo lá.
          Sobre a edição do livro eu não posso opinar, pois realizei a leitura no Kindle mas a escrita é fluída e de fácil entendimento. Mas é uma leitura que eu indicaria para todo mundo que gosta do gênero e que ter uma experiência diferente de "O menino do pijama listrado" do mesmo autor. O final me surpreendeu bastante e ainda não sei dizer se gostei ou não, mas esse é um ponto do John Boyne que nos faz ficar tão impactados com ele já que seus finais as vezes são bem inesperados e bastante inteligentes.
         "A casa assombrada" é um livro que te prende, e te faz querer acompanhar e torcer por Eliza e as crianças até a última página.

Um comentário:

  1. Oi! Foi o único livro do autor que, mas amei demais. Eu gosto de histórias nesses moldes, e esta é bem intrigante. Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir

© She bookaholic - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Renata Massa | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo