[Resenha] Pequenas grandes mentiras

Título: Pequenas grandes mentiras
Autora: Liane Moriarty
Editora: Intrínseca
Ano: 2015
Páginas: 400
Compre: Aqui
Classificação: ✮❥
Sinopse: Com muita bebida e pouca comida, o encontro de pais dos alunos da Escola Pirriwee tem tudo para dar errado. Fantasiados de Audrey Hepburn e Elvis, os adultos começam a discutir já no portão de entrada, e, da varanda onde um pequeno grupo se juntou, alguém cai e morre.

Quem morreu? Foi acidente? Se foi homicídio, quem matou?

Pequenas grandes mentiras conta a história de três mulheres, cada uma delas diante de uma encruzilhada.

Madeline é forte e decidida. No segundo casamento, está muito chateada porque a filha do primeiro relacionamento quer morar com o pai e a jovem madrasta. Não bastasse isso, Skye, a filha do ex-marido com a nova mulher, está matriculada no mesmo jardim de infância da caçula de Madeline.

Celeste, mãe dos gêmeos Max e Josh, é uma mulher invejável. É magra, rica e bonita, e seu casamento com Perry parece perfeito demais para ser verdade.
Celeste e Madeleine ficam amigas de Jane, a jovem mãe solteira que se mudou para a cidade com o filho, Ziggy, fruto de uma noite malsucedida.
Quando Ziggy é acusado de bullying, as opiniões dos pais se dividem. As tensões nos pequenos grupos de mães vão aumentando até o fatídico dia em que alguém cai da varanda da escola e morre. Pais e professores têm impressões frequentemente contraditórias e a verdade fica difícil de ser alcançada.
Ao colocar em cena ex-maridos e segundas esposas, mãe e filhas, violência e escândalos familiares, Liane Moriarty escreveu um livro viciante, inteligente e bem-humorado, com observações perspicazes sobre a natureza humana.
   O que era para ser uma noite de risadas, perguntas, fantasia, comida (quase nada) e bebida (até demais) acaba terminando em morte. E fica aquela dúvida .. quem morreu? Foi assassinato?
  O livro conta a história de 3 mulheres que se veem envolvidas em toda essa trama misteriosa. Temos Madeline, uma mulher de presença que está em seu segundo casamento e é mãe de três filhos, sendo uma delas fruto de seu primeiro casamento que terminou de uma péssima maneira. A vida dela muda quando seu ex marido reaparece morando na mesma cidade, retoma o relacionamento perdido com a filha e de quebra está bem casado e tem uma filha, Sky, que para o desgosto de Madeline estuda na mesma sala que sua filha Chloe.
  Celeste é mãe de gêmeos e tem todas as qualidades que uma mulher deseja: linda, magra, rica e casado com um homem perfeito. Aos olhos dos outros ela tem tudo para ter a vida dos sonhos, porém ela esconde um grande segredo de todos.
  Jane é nova na cidade, jovem e mãe solteira. Seu filho Ziggy é seu maior tesouro, mesmo sendo resultado de uma noite terrível que ela guarda na lembrança. Ela é acolhida por Madeline e Celeste, após seu filho ser acusado de bullyng e o clima entre os pais começa a ficar bem dividido.


  Eu acabei não aguentando de curiosidade e assisti o seriado antes, mas mesmo assim estava loouca para ler o livro já que eu fiquei super viciada no seriado. Acabei ganhando um sorteio e como prêmio escolhi o livro, e tenho que dizer que foi uma das minhas melhores leitura do ano! 
  A forma como Liane da vida aos personagens é simplesmente brilhante e nos envolve completamente em seus problemas sem tornar a leitura arrastada.  Temos as 3 mulheres, mas com vidas completamente diferentes onde uma é bem casada, a outra mãe solteira e tem aquela que está vivendo um relacionamento abusivo. E além de tudo, ela consegue inserir os personagens secundários de uma forma sensacional em que ao mesmo tempo eles são essenciais e também podemos conhecer um pouco de cada.

  
 Mesmo que o segredo seja só revelado no final, em momento algum a leitura fica cansativa porque a autora consegue com essas pequenas mentiras manter o leitor focado na trama e curioso para conhecer mais sobre essas incríveis personagens. O livro aborda vários temas bem importantes como bullyng e violência doméstica, mas a ideia central da Liane é mostrar como pequenas coisas vão se tornando gigantes.
   O livro e divido em capítulos que contam a história no presente, mas no fim de cada podemos ver um pouco do futuro em forma de depoimentos coletados pela polícia sobre a noite em houve a tragédia. A editora está de parabéns pela diagramação do livro, que foi de fácil leitura.
Essa é uma leitura que eu indico fortemente, e o seriado também! A serie tem um elenco de peso e ficou bastante fiel ao livro, contei um pouco sobre ela aqui. A autora certamente já está entre as minhas favoritas!

* Ganhei o livro no top comentarista do blog Ler para divertir

Nenhum comentário:

Postar um comentário

© She bookaholic - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Renata Massa | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo