[Resenha Nacional] Quando a noite cai

Título: Quando a noite cai
Autora: Carina Rissi
Editora: Verus
Ano: 2017
Páginas: 476
Compre: Aqui
Classificação:  
Sinopse: Briana Pinheiro sabe que não é a pessoa mais sortuda do mundo. Sempre que ela está por perto algo vai mal, especialmente no trabalho. Por isso é tão difícil manter um emprego. E a garota realmente precisa de grana, já que a pensão da família não anda nada bem. Mas esse não é o único motivo pelo qual Briana anda perdendo o sono. Quando a noite cai e o sono vem, ela é transportada para terras distantes: um mundo com espadas, castelos e um guerreiro irlandês que teima em lhe roubar os sonhos... e o coração. Depois de ser demitida — pela terceira vez no mês! —, Briana reúne coragem e esperanças e sai em busca de um novo trabalho. É quando Gael O’Connor cruza seu caminho. O irlandês de olhar misterioso e poucas palavras lhe oferece uma vaga em uma de suas empresas. Só tem um probleminha: seu novo chefe é exatamente igual ao guerreiro dos seus sonhos. Enquanto tenta manter a má sorte longe do escritório, Briana acaba por misturar realidade e fantasia e se apaixona pelo belo, irresistível e enigmático Gael. Em uma viagem à Irlanda, a paixão explode e, com ela, o mundo de Briana, pois a garota vai descobrir que seu conto de fadas está em risco — e que talvez nem mesmo o amor verdadeiro seja capaz de triunfar...



     Já fazia um bom tempo que queria ler algo da Carina, acabei ganhando o livro em um sorteio e quando recebi já iniciei a leitura. E ... me apaixonei pela escrita da autora.
     A trama conta a história de Briana Pinheiro, uma garota azarada que nunca consegue se manter em um emprego por mais de uma semana. Bri mora com a mãe e com a irmã na pensão da família, que tem enfrentado uma difícil fase para se manter, pois não aparece nenhum hóspede, e após a perda do pai elas não conseguem mais pagar as contas. No meio de todos esses problemas, ela carrega o segredo de toda noite quando dorme, sonha com um mundo de fantasia onde conhece um guerreiro irlandês, sedutor e misterioso, chamado Lorcan. Os sonhos parecem ser tão reais, que Bri acaba se vendo envolvida emocionalmente com o misterioso e imaginário homem de seus sonhos, e mantém vários desenhos de como ele é, dividindo seus reais sentimentos apenas com sua irmã, Aisla. 
     Após a terceira demissão em menos de um mês, Briana tenta a sorte em uma nova entrevista e mais uma vez a sua má sorte faz com que tudo dê errado e querendo fugir de deste novo problema, a garota acaba sendo atropelada por ... Lorcan, que na verdade se chamada Gael. Toda confusa e perdida por estar diante do homem que vem sonhando pelos últimos cinco anos, Bri acaba se vendo envolvida em uma nova situação, onde além de conseguir um novo emprego, consegue ficar mais próxima de Gael e tenta entender o porque da sua semelhança com Lorcan.



        Eu fiquei completamente apaixonada por todo esse universo que a Carina criou, e também pelos personagens. O casal tem uma química, que nos faz torcer por eles desde momento que Bri é atropelada, até a última palavra do livro. Briana é uma completa azarada e curiosa, mas tem um humor e uma personalidade que cativa o leitor desde a primeira página, e nos faz torcer para que ela consiga se manter em pelo menos um emprego haha. Já Gael, é todo misterioso e encantador e nos faz nos apaixonar e querer saber quais são os mistérios que esse coração que foi tão machucado esconde. Quando temos os dois juntos, ele querendo esconder seus segredos e ela uma curiosa que adora falar tudo que tem na cabeça, podemos já saber que temos um romance incrível, com muito bom humor.

" Eu não esperava nada mais. Imaginei que soubesse tudo que a vida tinha reservado para mim. Mas então você apareceu. O meu carro quase te acertou, mas foi você quem me atropelou. Ao mesmo tempo que quero sair correndo, a ideia de me afasta de você me destrói, e eu achei que não tivesse restado nada em mim para ser destruído. Eu já estive morto, Briana. E você me lembra a todo instante por que é tão bom ainda estar vivo."
       
O livro é divido entre capítulos que narram o presente e os sonhos medievais de Briana. Não são muitos as partes que temos Lorcan e Ciara, mas é outro casal que nos encanta. Temos romance moderno e antigo e ambos nos envolvem e nos conquistam. A autora soube como misturar fantasia e romance de uma maneira incrível, que me cativou em todos os momentos. O livro tem quase suas 500 páginas, mas em momento algum a leitura ficou cansativa e nem me fez perder o foco, quanto mais lia mais me sentia conectada com os personagens e quando acabei fiquei perdida sem saber como seguir em frente sem Briana e Gael.
            Em relação aos personagens secundários ( eu sou aquela que tem um amor especial por eles) , Carina arrasou ! Impossível não se apaixonar pela doidinha da Aisla, ela me arrancou várias risadas e cada vez que aparecia na história era para animar a irmã, e mostrar que acima de tudo ela sempre estaria ali para apoia-la. Temos também o Lorenzo, o braço direito de Gael, que acaba se tornando um ótimo amigo para Bri também.

       A editora arrasou na capa, que chama bastante a atenção do leitor. Em relação a diagramação é bem simples, de fácil leitura e podemos separar o presente dos sonhos de Bri, que são escritos em itálico.

      O livro é uma leitura bem humorada, que nos faz criar um elo com os personagens e ainda traz uma mensagem sobre como amor pode ultrapassar todas as barreiras, e que todos podem ter um novo recomeço e que perdão é sempre melhor saída. O modo como ela soube misturar fantasia com romance e realidade superou todas as expectativas que havia criado sobre a leitura. É um livro que com certeza eu recomendo a todos!

Um comentário:

  1. Nossa, esse também foi meu primeiro contato com a autora, e eu me apaixonei muito por esse livro. Que delícia de história, não? Tá em um dos melhores que li esse ano, tanto que comprei a série perdida toda logo depois. Eu amei isso de passado e presente, do medieval, esse livro também me comprou fácil!

    💜
    Luar de Livros

    ResponderExcluir

© She bookaholic - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Renata Massa | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo